quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Erupção solar

Hoje, nas latitudes mais altas do hemisfério norte, deverá ser possível ver o espectáculo colorido das auroras boreais. O motivo vem do Sol. Depois de um período de sonolência um pouco mais longo do que o habitual, ele acordou na segunda-feira com uma enorme erupção na superfície. O resultado poderá ser uma aurora boreal intensa.

O plasma composto de átomos ionizados dessa erupção foi ejectado pelo Sol na direcção da Terra e, à chegada aqui - o que está agora em curso - deverá dar origem a esse espectáculo de luzes verdes e vermelhas no céu.
"Esta erupção vem direita a nós e deve chegar ao início do dia 4", explicou, citado pela Science Daily, o astrónomo Leon Golub, do centro Harvard--Smithsonian de astrofísica, sublinhando que "esta é a primeira grande erupção solar que vem na direcção da Terra desde há bastante tempo".
ionline
Enviar um comentário