terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Reforma das leis laborais

O primeiro-ministro, José Sócrates, admitiu esta terça-feira uma reforma das leis laborais - tal como recomenda Bruxelas - mas remeteu para os «próximos dias» mais pormenores.

Questionado se admite ou não uma reforma das leis laborais, o primeiro-ministro começou dizer que há ainda «muitas ocasiões para falar disso», mas acabou por reconhecer que admite essa reforma.
Enviar um comentário