quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Tribunal julga 100 pessoas por participação em manifestações


Uma centena de pessoas está hoje a ser julgada por um tribunal revolucionário de Teerão pela participação em manifestações contra a reeleição do Presidente Mahmud Ahmadinejad, anunciou a agência noticiosa iraniana Fars.

Importantes personalidades do campo reformador, incluindo um colaborador do antigo Presidente Mohammad Khatami, figuram entre os acusados, acrescentou a agência.
A agência oficial Irna, que cita fontes judiciárias, afirmou que entre as pessoas julgadas a partir de hoje contam-se manifestantes que apareciam em fotografias tiradas quando se preparavam para «cometer crimes».
Lusa/SOL
Enviar um comentário